Prolinx

Dispositivos móveis como smartphones e tablets são uma realidade na relação entre os funcionários e as empresas e, por isso, merecem atenção.

Esses dispositivos permitem que o funcionário acesse a rede corporativa, produza documentos, relatórios e participe de reuniões em qualquer lugar que esteja e a qualquer hora. Tudo de um jeito fácil e rápido.

A questão é: Como proteger estes aparelhos? O que fazer para garantir a segurança da rede corporativa?

Esse é um dos grandes desafios que os setores de segurança da informação possuem na atualidade. Continue a leitura para saber como manter a segurança de seus funcionários e de sua empresa!

As principais ameaças a dispositivos móveis

Com o aumento do número de pessoas que trabalham no sistema home office ou no sistema híbrido, cresce também a quantidade de ataques realizados pelos hackers. Isso porque, pessoas maliciosas enxergam boas oportunidades em dispositivos que talvez não estejam tão protegidos.

O objetivo é ter acesso tanto a dados pessoais como senhas de banco, logins e senhas das redes sociais quanto informações da empresa onde a pessoa trabalha para utilizar em golpes, roubos de dados confidenciais, acessar a rede corporativa e mais. Os ataques podem acontecer de diversas formas:

  • Tentativas de phishing, smishing ou ataques direcionados;
  • Utilização de softwares e aplicativos maliciosos, muitas vezes que não são baixados em lojas oficiais;
  • Ransomware – o hacker acessa o sistema ou a rede, rouba dados confidenciais e pede resgate para devolvê-los;
  • Spywares ― o dispositivo é monitorado discretamente através de um programa que e coleta dados importantes como senhas e logins sem que o usuário perceba;
  • Malwares – softwares maliciosos que incluem vírus tradicionais, worms e cavalos de tróia.

Como proteger os dispositivos móveis

Para minimizar os riscos, é importante que a empresa oriente seus funcionários a tomar alguns cuidados na utilização dos dispositivos móveis. Confira a seguir algumas dicas fundamentais:

  • Baixar aplicativos somente de fontes confiáveis e lojas oficiais;
  • Não clicar ou compartilhar links considerados suspeitos;
  • Ficar atento ao conteúdo dos e-mails recebidos;
  • Utilizar somente redes WI-FI consideradas seguras;
  • Não navegar em sites de conteúdo suspeito;
  • Fazer sempre o backup em nuvem;
  • Alterar periodicamente as senhas;
  • Utilizar autenticação em dois fatores para aplicativos como Instagram, Whatsapp e Facebook;
  • Manter o sistema operacional dos dispositivos sempre atualizados;
  • Possuir um antivírus eficiente instalado no dispositivo móvel.

A importância do antivírus para os dispositivos móveis

Assim como acontece em computadores e notebooks, a instalação de um antivírus eficiente pode evitar vários problemas nos dispositivos móveis.

Atualmente, um bom antivírus é considerado como um complexo sistema de segurança que vai proteger smartphones ou tablets de diferentes tipos de ameaça de hackers.

No entanto, um dado é preocupante. Uma pesquisa feita pela ESET indicou que 60% dos donos de smartphones não possuem um antivírus instalado em seu dispositivo. Uma questão que precisa ser discutida dentro das empresas para garantir a segurança de dados.

Ações de conscientização sobre a importância da proteção dos dispositivos e a recomendação de um antivírus a ser utilizado por todos os funcionários, feita pela TI, pode minimizar os riscos e os problemas que um ataque hacker pode causar.

O Sophos Mobile Security é uma opção de antivírus para Android

O sistema operacional Android é um dos mais utilizados em smartphones e tablets e, por ser um software de código aberto, possibilita vários tipos ataques de hackers.

Em consequência, é importante a instalação de um antivírus eficiente que faça varreduras automáticas periodicamente e bloqueie arquivos ou aplicativos maliciosos.

Para ser considerado eficiente, um antivírus deve ser testado em três quesitos:

  1. Proteção;
  2. Recursos;
  3. Usabilidade.

Para a segurança de sua empresa, recomendamos o Sophos Mobile Security. O programa foi submetido a uma série de testes realizadas durante quatro semanas pela Av-Test, um importante laboratório da Alemanha.

Durante as quatro semanas de análise, o antivírus se mostrou muito eficiente ao detectar todos os malwares em tempo real. Em termos de recursos extras, o Sophos oferece:

  • Sistema anti-roubo;
  • Bloqueio de chamadas;
  • Filtragem de mensagens;
  • Navegação segura;
  • Consultor de privacidade;
  • Consultor de segurança;
  • Aplicativo de proteção;

Quanto à usabilidade, o antivírus não afetou nem o desempenho e nem a vida útil da bateria. O sistema Android também não ficou comprometido com travamentos ou diminuição da velocidade de resposta às solicitações.

Conclusão

Dispositivos móveis são grandes facilitadores para o trabalho remoto. No entanto, a utilização desses aparelhos demanda especial por parte do usuário para evitar riscos e o comprometimento de dados sensíveis.

Uma das medidas válidas, sob orientação da própria empresa ou de especialistas, é o uso de um antivírus capaz de monitorar periodicamente os dispositivos e assegurar que não representem um problema tanto para a empresa quanto para o usuário.

Gostou do post e quer contar com o Sophos Mobile Security? Entre em contato, os especialistas da Prolinx vão te ajudar!